Pagina Principal Artigos IJSN participa da construção da Tabela de Recursos e Usos da Região Sul e Sudeste do Pará

IJSN participa da construção da Tabela de Recursos e Usos da Região Sul e Sudeste do Pará

Reuniao TRU MIP

O Instituto Jones dos Santos Neves (IJSN), por meio da Coordenação de Estudos Econômicos, está participando do processo de construção da Tabela de Recursos e Usos (TRU) da Região de Sul e Sudeste do Estado do Pará. A inciativa é da Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisas do Pará (FAPESPA) em parceria com a Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (UNIFESSPA), e teve início no segundo semestre de 2021. Na tarde dessa segunda-feira (21), aconteceu o primeiro encontro online para apresentação dos resultados.

A ferramenta é uma representação das operações econômicas realizadas na economia de uma região na perspectiva da produção, da geração de renda e das despesas, desagregadas por atividades econômicas e produtos (bens e serviços). O principal objetivo das Tabelas de Recursos e Usos (TRU) é a análise dos fluxos de bens e serviços e dos aspectos básicos do processo de produção através da estrutura de insumos e da estrutura de produção por atividade e a geração da renda.

Em 2015, o Instituto Jones dos Santos Neves desenvolveu a TRU e a Matriz Insumo-Produto (MIP) do Espirito Santo. As ferramentas permitem a análise da estrutura econômica de oferta e demanda de uma determinada região de forma desagregada. Dessa forma, permite mostrar a intensidade da interdependência entre atividades produtivas em relação aos insumos e produtos e a relação destas atividades com a demanda final.

Segundo o coordenador de Estudos Econômicos do IJSN, Antônio Ricardo da Rocha Freislebem, o Espírito Santo é o Estado com uma das TRUs mais recentes. Ele destacou ainda a importância do intercâmbio de informações para o desenvolvimento econômico da região Sul e Sudeste do Pará.

“Por sabermos da importância dessa ferramenta para a melhor compreensão econômica de uma região, atendemos prontamente ao pedido dos pesquisadores da UNIFESSPA e já iniciamos os primeiros encontros. Isso demonstra a alta capacidade técnica que temos no Espírito Santo, em especial no Instituto Jones, a partir da metodologia desenvolvida pela equipe de Estudos Econômicos. Somos uma das poucas unidades da federação que possuem essa metodologia e esse intercâmbio certamente será muito produtivo”, explicou Antônio Freislebem.

Participaram também do encontro o diretor de Integração do IJSN, Pablo Lira, os pesquisadores da área de economia do Instituto Jones, Edna Morais e Adriano do Carmo, e o coordenador do projeto e professor da UNIFESSPA, Giliad Silva. O evento foi aberto a outros participantes do projeto, professores e alunos do curso mestrado e graduação em economia da Universidade. O próximo evento está previsto para o 2º trimestre deste ano.

Informações à Imprensa:

Assessoria de Comunicação do IJSN
Eduardo Rabello
(27) 3636-8066 / 99892-5291
comunicacao@ijsn.es.gov.br