Pagina Principal Artigos Instituto Jones recebe homenagem da Ales pelo trabalho científico em favor do Espírito Santo

Instituto Jones recebe homenagem da Ales pelo trabalho científico em favor do Espírito Santo

Homenagem Ales

O Instituto Jones dos Santos Neves (IJSN) foi homenageado em sessão solene realizada pela Assembleia Legislativa do Espírito Santo (Ales), na noite dessa quarta-feira (30). O IJSN recebeu a homenagem pelo trabalho científico que realiza em favor do desenvolvimento socioeconômico do Estado. Autoridades políticas e servidores do instituto participaram da solenidade, proposta pelo deputado Luciano Machado.

Criado em 1975, o Instituto Jones dos Santos Neves é uma autarquia vinculada à Secretaria de Economia e Planejamento (SEP) e se destaca pela elaboração e implementação de estudos, pesquisas e projetos nas áreas econômica, social e territorial, além do monitoramento e avaliação de políticas públicas.

O secretário de Estado do Governo, Álvaro Duboc, destacou que poucos estados têm uma estrutura em apoio ao desenvolvimento de políticas públicas equivalente ao trabalho do Instituto Jones dos Santos Neves.

Duboc citou que o Espírito Santo é referência na gestão fiscal e está há 10 anos como único Estado com nota A. Ele lembrou ainda que os capixabas têm a menor mortalidade infantil e a maior longevidade na saúde, além do melhor resultado no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), que é o quinto mais competitivo no Brasil. “E isso não se dá por acaso. Temos uma equipe técnica trabalhando continuamente em evidências”, disse.

Democracia e Ciência

O diretor-presidente do Instituto Jones dos Santos Neves, Daniel Cerqueira, lembrou de algumas contribuições do IJSN, como a criação do Transcol e do Planos de Desenvolvimento Urbano Integrado, que hoje servem de modelo para outras metrópoles do Brasil. Cerqueira salientou que, nos últimos anos, um processo de amadurecimento institucional tem balizado a ação política. Para ele, houve uma revolução nos métodos de gestão pública. “Estados, países e cidades, em que antes os governantes ofertavam serviços sem saber para quê e para quem, agora têm líderes que estão se antecipando preventivamente às demandas”, completou.

Daniel Cerqueira celebrou ainda a importância de se valorizar o trabalho científico como fonte de aprimoramento das ações públicas, em prol do desenvolvimento socioeconômico. “Este é um momento de congraçamento da democracia, por estarmos na casa do povo, com a ciência. Estamos aqui festejando os princípios iluministas da ciência e os princípios da democracia representativa”, frisou.

O deputado Luciano Machado também lançou mão dos índices de desenvolvimento do Estado para justificar a homenagem à autarquia. “É uma instituição capixaba forte e com credibilidade, que projeta o Espírito Santo em redes de pesquisas nacionais e internacionais. Quando comemoramos o fato de o Estado ser referência em gestão, temos de reconhecer que antes houve um embasamento técnico feito pelo Instituto Jones dos Santos Neves. O nosso Estado faz política com base na ciência e, por isso, acerta nas demandas, com metas impactantes”, ressaltou.

Ex-deputado federal e ex-presidente do IJSN, Luiz Paulo Vellozo Lucas disse que a homenagem ao instituto ganha relevância diante do momento em que o Brasil vive, com constantes ataques à ciência, principalmente por meio de fake news. “A atual relativização do que é a verdade e o que não é confunde muito as pessoas. Vivemos num momento em que as bases da verdade científica, que pareciam ser uma conquista da humanidade, estão sob ameaça. Uma instituição dedicada a construir conhecimento em base científica é de grande importância”, enalteceu.

Comenda Domingos Martins

Durante a cerimônia, foi concedida a Comenda Domingos Martins, maior honraria do Parlamento capixaba, ao diretor de Integração do Instituto Jones dos Santos Neves, Pablo Lira. Servidor com doutorado em Geografia e autor de vários livros, ele foi um dos destaques nas pesquisas que orientaram o Governo do Estado na gestão da crise do novo Coronavírus (Covid-19).

“É um momento diferenciado que o Espírito Santo vive e a gente pode afirmar que, com esses índices históricos, com o Estado referência na gestão de risco da Covid-19 e unidade mais transparente da federação, somos o estado luz para o Brasil. E isso é um resultado que nos orgulha como servidores. Que estudamos e planejamos o desenvolvimento capixaba”, pontuou Lira.

Homenageados

Daniel Cerqueira
Pablo Lira
Latussa Monteiro
Gustavo Ribeiro
Adauto Beato Venerano
Ana Claudia Santos Fraga
Antonio Ricardo Freislebem
Arhur Ceruti Quintanilha
Charles Soares dos Santos
Cleomar do Carmo Ferreira
Cynthia Lopes Pessoa de Miranda
Edna Morais Tresinari
Eduardo Vieira Rabello
Estefania Ribeiro da Silva
Ironildes Maria Cabral
Jackieline Nunes
Jairo da Silva Rosa
João Luiz Paste
João Vitor Andre
Kátia Caldas dos Santos
Katia Cesconeto de Paula
Kiara de Deus Demura
Larissa Figueiredo Ribeiro Barros
Leticia Maria Gonçalves Furtado
Ligia da Motta Silveira Borges
Lívia Maria Albertasse Tulli
Lucia Helena Mantovani Machado
Luiz Paulo Vellozo Lucas
Marlon Neves Bertolani
Michele Gasparini de Miranda
Nayra Gonçalves de Freitas
Orlando Caliman
Pablo Medeiros Jabor
Paulo Sérgio Gomes de Oliveira
Sandra Mara Pereira

Para acessar o álbum de fotos da solenidade, clique aqui.

Com informações da Ales.

Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação do IJSN
Eduardo Rabello
(27) 3636-8066 / 99892-5291
comunicacao@ijsn.es.gov.br