Pagina Principal Artigos IDRS | Sumário Executivo (Preliminar)

IDRS | Sumário Executivo (Preliminar)

IDRS Sumario ExecutivoA promoção de um desenvolvimento regional e equilibrado é uma das propostas prioritárias do Governo do Estado do Espírito Santo, conforme o Planejamento Estratégico do Governo do Estado do Espírito Santo 2019-2022, cuja finalidade é reduzir as desigualdades econômicas e sociais, intra e inter-regionais, por meio da criação de oportunidades de desenvolvimento que resultem em crescimento econômico, geração de renda e melhoria da qualidade de vida da população.

O projeto Desenvolvimento Regional Sustentável do Espírito Santo – DRS/ES surge como resposta a essa busca, de forma a se pactuar ações e projetos para a prosperidade de cada vila, cidade e microrregião do Estado, com respeito a suas vocações e potencialidades. É um novo olhar para as questões regionais capixabas, com suas especificidades territoriais e diversidade cultural, visando o crescimento de forma integrada, para além da região metropolitana.

Dentre as ações do projeto DRS/ES encontra-se a “elaboração do Índice de Desenvolvimento Regional Sustentável do ES – IDRS/ES”, que é objeto de detalhamento deste documento. O IDRS/ES apresenta-se como um importante recurso a ser utilizado em processos de priorização de investimentos em ações públicas no estado, com vistas à diminuição efetiva de disparidades sociais, ambientais e econômicas regionais.

Normalmente, para avaliar o desenvolvimento de uma região um importante indicador utilizado é o PIB. O PIB é a soma de todos os bens e serviços finais produzidos por um país, estado ou cidade, geralmente em um ano.

O PIB é, contudo, apenas um indicador síntese de uma economia. Ele ajuda a compreender um país, mas não expressa importantes fatores, como distribuição de renda, qualidade de vida, educação e saúde. Um país tanto pode ter um PIB pequeno e ostentar um altíssimo padrão de vida, como registrar um PIB alto e apresentar um padrão de vida relativamente baixo. (IBGE, 2021)

Outro importante indicador, que oferece um contraponto ao PIB, é o IDH. O IDH pretende ser uma medida geral, sintética, do desenvolvimento humano. Apesar de ampliar a perspectiva sobre o desenvolvimento humano, o IDH não abrange todos os aspectos de desenvolvimento e não é uma representação da "felicidade" das pessoas, nem indica "o melhor lugar no mundo para se viver". Democracia, participação, equidade, sustentabilidade são outros dos muitos aspectos do desenvolvimento humano que não são contemplados no IDH. (PNUD Brasil, 2021)

Como alternativa ao desenvolvimento focado na produção exclusivamente econômica ou humana, propõe-se uma mudança do foco de atenção para o conceito de "desenvolvimento regional sustentável", entendido como a melhoria de qualidade de vida, principalmente para os mais vulneráveis, buscando combater as desigualdades sociais e regionais, mantendo a sustentabilidade ambiental e fiscal do Estado e de seus municípios.

Assim, é fundamental que existam indicadores sintéticos que avaliem mais de um setor focados no bem-estar da sociedade e que evidenciem no cálculo as desigualdades socioeconômicas e a falta de eficiência em políticas essenciais para as parcelas da população mais necessitada. Desta forma, o IDRS/ES tem como objetivo ser um indicador sintético capaz de mensurar o desenvolvimento regional sustentável das microrregiões do estado do Espírito Santo, com foco na melhoria da qualidade de vida do cidadão, considerando suas vocações e potencialidades.

Sendo assim, este documento tem como objetivo explicitar os passos que foram necessários para a criação e desenvolvimento deste índice, além de apresentar os resultados sucedidos da série histórica dos anos de 2015 a 2019.

Anexos

Conteúdo Atualização Tamanho  
IDRS - Sumário Executivo (Preliminar)   05/07/2022 11:22 12.96 MB Fazer download deste arquivo (IDRS_Sumario_Executivo_Preliminar.pdf)
IDRS - Sumário Executivo - Anexo   05/07/2022 11:21 398 kB Fazer download deste arquivo (IDRS_Sumario_Executivo_Anexo.xlsx)